Camões, Chantel, Ginja,

…Giorgio, Izequiel, Jess, Nelcon (!), Paco Valenciano, Sindi, Stiv, Stive, Stiven, Sunua, Zivan são alguns dos vocábulos não admitidos como nomes próprios em 2001 (pdf, via). Com um emprego tão divertido como este não admira que o sonho de muitos jovens seja trabalhar numa conservatória…

Por estas bandas não se conhecem os nomes rejeitados mas quem quiser ficar a saber quais os “vocábulos admitidos como nomes próprios”, apelidos e respectivos atributos numéricos poderá consultar a base de dados do serviço de nomes. Ex., foram registados 891 pessoas com o nome “antonio”, dos quais 890 do sexo masculino e 23 em 2000. E há ainda as estatísticas com valor noticioso:

The most popular names for girls and boys born in Finland last year were Emma and Veeti respectively.

Almost 1,000 babies received one of those names last year. Emma was also the favourite girl’s name in 2004.

The other top girls’ names last year were Ella and Siiri. For boys, the second and third most popular were Eetu and Aleksi. (yle)

1 Response to “Camões, Chantel, Ginja,”


  1. 1 Filomena Janeiro 15, 2009 às 7:36 pm

    Foi com espanto que li, embora “fora de prazo” esta alusão algo irreflectida a nomes não admitidos onde paira a ironia(?).
    Nada me mereceria grande reparo se não visse entre os nomes, o nome com que baptizei a minha filha : Sunua.
    Ora aqui vai “de quem sabe para quem precisa” : Sunua é um nome bastante comum na onomástica latina (vulgo, durante o dito “período romano”) sendo de origem indígena, ou seja, local, do nosso território, antes de virem os romanos e latinizarem a cultura pré-existente. Existe atestada em inúmeras epígrafes, funerárias e votivas, sobretudo no território dos LUSITANOS (existe um, por exemplo bastante a norte – em Baião).
    Assim, Sunua não é absurdo como nome actual para uma cidadã portuguesa – trata-se apenas da recuperação de um nome usado pelas senhoras e meninas lusitanas com bastante frequência, especialmente na dita “Beira-Baixa” actual. Também se encontra atestado em parte do território espanhol, na mesma altura. O resto dos nomes parecem-me francamente nunca terem feito parte da realidade histórica do território hoje português.


Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s




News Feeds

a

Calendário

Março 2006
M T W T F S S
« Fev   Abr »
 12345
6789101112
13141516171819
20212223242526
2728293031  

Estatística

  • 2,012,828 hits

%d bloggers like this: